Pular para o conteúdo principal

Entenda a importância de monitorar o oxigênio sanguíneo

11/12/2019 - 03:34 hs -
Oxigenio Sanguíneo, Oximetria

Oximetria domiciliar

Ter um nível muito baixo de oxigênio sanguíneo pode sobrecarregar o coração e o cérebro. A maioria das pessoas precisa ter no mínimo 89% de saturação para manter suas células saudáveis. Acredita-se que um nível menor do que esse por um curto período de tempo não cause danos. Mas, se isso acontecer muitas vezes, as células podem ser agredidas e sofrer danos.

Quando o oxigênio é baixo no ambiente, é necessário solicitar oxigênio suplementar. O oxímetro é um aparelho que pode ajudar a avaliar quanto de oxigênio precisa e quando pode precisar dele. Por exemplo, algumas pessoas precisam mais de oxigênio quando dormem do que quando estão acordadas.

Por que é importante ter o nível de oxigênio aferido?

Se o paciente tiver alguma doença pulmonar, seu nível de oxigênio sanguíneo pode vir a ser menor do que o normal. É importante saber quando isso ocorre, por que o nível baixo de oxigênio faz com que as células do corpo tenham dificuldade para trabalhar adequadamente. O oxigênio é o “gás” que faz o corpo “funcionar”, então, se estiver com o “gás” baixo, o corpo trabalhará mal.

Onde é feita a monitoração?

  • Triagem de emergência
  • Ambulância
  • Atendimento de urgência
  • Durante cirurgias
  • Recuperação pós cirúrgica
  • UTI
  • Home care

Read more articles