Pular para o conteúdo principal

Perguntas e Respostas sobre Nutrição Enteral

31/08/2021 - 10:42 hs - Nutrição

A dieta ou nutrição enteral é uma forma de alimentação que costuma ser adotada durante tratamentos médicos quando o paciente não consegue se alimentar normalmente.

Entenda o que é, como ela pode ser administrada e outras informações relevantes que fazem parte das questões frequentes sobre o tema a seguir. 

O que é dieta enteral?

É uma dieta elaborada para pacientes que precisam substituir ou complementar a alimentação por vias orais que costuma acontecer por sondas e tubos. 

Ela é marcada pela ingestão nutricional controlada e pode ser realizada em ambientes hospitalares, domiciliares ou ambulatoriais.

Quando esta dieta é indicada?

A dieta enteral pode ser recomendada por diferentes motivos ou doenças a serem tratadas, como a síndrome do intestino curto, desnutrição grave ou em prematuros, porém uma característica é partilhada por todos que precisam dela: a incapacidade momentânea de ingerir todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo.

Diferenças entre a dieta enteral e parenteral

A dieta parenteral é administrada na veia, já a enteral se utiliza dos componentes do trato digestivo como estômago, intestino e outros.

Quais são os tipos de dieta enteral?

  • Nasogástrica: quando se introduz um tubo do nariz ao estômago
  • Orogástrica: quando a sonda é colocada desde a boca até o intestino ou estômago
  • Gastrostomia: quando um tubo é inserido na pele até ao estômago
  • Jejunostomia: quando o tubo é inserido na pele e alcança o jejuno
  • Nasoentérica: ocorre quando se coloca uma sonda desde o nariz até ao estômago

Quais são as opções de preparo da dieta enteral?

Também há variedades nos preparos da dieta enteral, nesse sentido nós temos três opções:

  • Dieta industrializada líquida: esta opção já vem com a  fórmula pronta para o uso e pode ser administrada nos sistemas aberto e fechado.
  • Dieta industrializada em pó: é a fórmula que demanda diluição ou reconstituição em água.
  • Dieta mista: é aquela composta pela ingestão processada de nutrientes somada ao consumo da dieta enteral, via sonda, para alcançar os níveis indicados de componentes nutricionais

Diferenças entre a dieta enteral de sistema aberto e fechado?

A dieta enteral de sistema aberto conta com a manipulação antes da administração ao paciente, enquanto a fechada é industrializada e fechada hermeticamente, não recebendo dessa forma nenhum tipo de manipulação antes do consumo.

O que são fórmulas para nutrição enteral?

São alimentos industrializados para fins especiais. Eles podem ser consumidos via sondas ou oralmente. 

Quais os benefícios de optar por uma dieta industrializada?

Possui menor risco de contaminação, por ser menos manipulada, e controle da composição.

Em qual temperatura a dieta deve ser administrada?

A dieta deve ser oferecida ao paciente sempre em temperatura ambiente. Recomenda-se que a dieta industrializada seja retirada da refrigeração 30 minutos antes da alimentação.

Como armazenar a dieta enteral industrializada?

É fundamental que sejam seguidas as instruções do fabricante quanto ao armazenamento e transporte. Na maioria dos casos, prioriza-se um local seco, fresco e sem influência de odores. É importante lembrar que após aberta a alimentação precisa ser refrigerada por até 24 horas.  

É permitido diluir a dieta?

Quando a dieta enteral administrada é industrial e líquida, não é necessária qualquer manipulação, pois ela já vem pronta. A viscosidade necessária para alimentação já é encontrada em níveis ideais.

Comumente em procedimentos home care o uso da dieta enteral em pó é priorizada e, nesses casos, a diluição é necessária.

Como evitar  que as sondas fiquem obstruídas?

Para impedir que a sonda fique obstruída, é sugerido que se administre cerca de 40 ml de água antes e depois de cada alimentação.

Como funciona a hidratação do paciente?

As recomendações hídricas devem ser dadas pelo médico ou nutricionista responsável pelo paciente, pois a necessidade varia para cada pessoa.

Com a bomba de nutrição enteral Kangaroo ePump® é possível programar automaticamente a infusão da nutrição e também da hidratação do paciente com o equipo duplo.

Como preparar o paciente para receber a dieta enteral?

Caso o paciente não esteja com a  cabeceira da cama posicionada entre os ângulos de 30 a 45 graus, é necessário que ele seja colocado nessa posição durante a administração da dieta e permaneça nela após 30 minutos da finalização da alimentação a fim de evitar refluxos.

https://www.tuasaude.com/nutricao-enteral/
https://www.nutricaototal.com.br/perguntas-e-respostas
https://www.multinep.com.br/perguntas-frequentes
https://www.youtube.com/watch?v=r7FAtDNUiO4
https://nutritotal.com.br/pro/material/perguntas-e-respostas-formulas-pa...

Tags: bomba de infusão Kangaroo Epump Nutrição nutrição enteral nutrição parenteral